ban prebv nov181

b pref mao

AGORA MANAUS TEM 17 METAS DO ASEZ PARA CUMPRIR

...David Almeida recebe jovens sul-coreanos que buscam cumprir em Manaus metas da ONU...

REDAÇÃO AgênciaNorte

www.agnorte.com.br

O grupo Sul Coreano Asez passa por Manaus, e numa visita ao poder legislativo pôde contar com o apoio da Casa, quando o presidente da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), dep. David Almeida concordou em assinar o certificado de apoio Asez (termo este em inglês que significa 'Salvar a Terra de A a Z').

O Asez é formado por jovens universitários Sul Coreanos, que tem como uma das metas conseguir adesão de autoridades públicas para que, de forma voluntária, consigam cumprir, em Manaus, no caso, 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentáveis (ODSs) estabelecidos pela Organização das Nações Unidas (ONU).

“É muito importante envolver e apoiar os jovens em atividades voluntárias na sua comunidade com causas socioambientais e cidadania, como forma de conhecerem melhor o meio que vivem e aprender com aquelas atividades que vão fazer. Com olhar nas metas da ONU, os jovens coreanos vieram trazer um belo projeto para que os membros do grupo Asez, de Manaus possam cumprir como missão e mostrar que a juventude pode fazer acontecer e aprender com o voluntariado”, disse David Almeida.

WhatsApp Image 2018 01 26 at 16.40.01

FÉ E BOA LUTA

Membros da Igreja de Deus - com mais de 200 sedes espalhadas pelo mundo -, os jovens que estão pela primeira vez no Brasil vieram trazer para a igreja em Manaus, a missão de implantar o projeto “Rua da Mãe”. Com trabalho voluntário, os membros do Asez vão adotar o trecho de 1 quilômetro da Alameda Vitória, na área do conjunto Prosamim, na Cachoeirinha, Zona Sul de Manaus.

Segundo a missionária da igreja Greice Araújo, na rua adotada o grupo de jovens vai buscar cumprir as metas da ONU, com atenção à limpeza, infraestrutura, saneamento básico, iluminação pública, entre outros. “Eles vão pegar esse um quilômetro de rua para cuidar para sempre, de modo que ela se torne limpa, segura e agradável para a comunidade. Como voluntários eles vão fazer, por exemplo, capinar as calçadas e quando precisar vão acionar os órgãos públicos para resolver problemas maiores”, explicou a missionária.

O documento assinado pelo presidente da Aleam, David Almeida, e por outras autoridades públicas de Manaus, será levado à ONU pelo grupo Asez. De acordo com Greice Araújo, um levantamento da Organização das Nações Unidades aponta que os jovens da faixa etária do grupo Asez - de 18 a 26 anos - são os que menos participam de serviço voluntário no mundo. “Nós queremos mostrar que os jovens da nossa igreja trabalham voluntariamente para cumprir as ODSs da ONU”, disse.

...

Com ascom Dep. D Almeida

...

 

ban zona 

ban gov am

 

agnorte logo02

© 2015 Agência Norte Online. All Rights Reserved. Designed By HM