Sábado, 23 Outubro 2021 09:26

APRIMORAR O USO NAS REDES SOCIAIS

Avalie este item
(0 votos)
Doutor UFPE E PROFESSOR NA UFMG, Felipe Nune Doutor UFPE E PROFESSOR NA UFMG, Felipe Nune

Palestra sobre popularidade na 1ª Feclam ensina como trabalhar e melhorar a imagem parlamentar

No segundo dia de atividades do 1º Fórum Estadual das Casas Legislativas do Amazonas (Feclam), nesta sexta-feira (22), na Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), os participantes seguiram participando de palestras sobre temas variados inerentes à atividade parlamentar, entre eles, a busca pela popularidade.

Para isso, o doutor em Esfera pública pela Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) e professor de Ciências Políticas na Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), Felipe Nunes falou sobre o assunto na palestra “Popularidade Digital: como medir e melhorar seu trabalho”.

“Discutimos com os parlamentares  do Amazonas sobre a importância da popularidade digital. O mundo está cada vez mais caminhando para um processo de digitalização, onde a internet está adentrando cada vez mais na casa dos eleitores e os legisladores. Além de procurar fazer um bom trabalho legislativo, em termos de técnicas, os parlamentares têm de se preocupar também em dar respostas ao eleitor. Mostrar o que está fazendo e a forma mais barata e eficiente de se fazer isso é por meio das redes sociais e foi desse bom uso que falamos”, explicou.

BOLSONARO COMO EXEMPLO DE SUCESSO

Felipe fez uma análise sobre as mudanças na dinâmica das eleições desde as décadas de 80 e 90, quando os eleitos eram previsíveis, com base no tempo de televisão e poder político dos partidos, mas hoje, tempo de televisão e poder partidário não define eleição.

“Hoje as pessoas não estão mais conversando como antes, nas ruas. Elas estão no ambiente virtual e quem não entender isso vai ficar de fora”, definiu.

“O grande desafio do parlamentar hoje é alinhar o lado técnico, mostrando liderança e legitimidade conseguida no voto com a imagem de um cidadão comum, de hábitos simples, porque as pessoas querem se aproximar dos líderes mais do que nunca. Para isso, temos de lançar mão de estratégias, como a construção de imagem, como foi feito com o atual presidente Jair Bolsonaro (sem partido)”, exemplificou.

TROCA DE EXPERIÊNCIA

O professor também respondeu perguntas e aconselhou os presentes sobre o uso adequado das redes sociais.

Salientou que as redes sociais têm funções diferentes. Enquanto o Twitter é lugar de posicionamento; o Facebook passa pela informação e se assemelha a um noticiário e o Instagram é o lugar de mostrar o lado pessoal, humanístico; o You Tube funciona como banco de dados de vídeos de conversas com os eleitores e, por fim, o Whatsapp, uma rede de distribuição de conteúdo.

Entre os destaques na palestra, Felipe citou sobre a distribuição de notícias falsas, as fake news. Ele  explicou que a melhor forma de combater é ignorá- las. “Quando se responde a uma notícia falsa, ela ganha corpo porque as pessoas pensam, que se estão respondendo é verdadeira”, assegurou citando que são dados frutos de pesquisa, que mostram como funciona a percepção de quem lê.

Outro ponto abordado foi sobre a compra de seguidores. Ele afirmou que é um erro, pois não há engajamento e o algoritmo reconhece apenas os seguidores reais. ” É perda de tempo”, concluiu.

Desde quinta-feira (21), a Assembleia está reunindo em um evento inédito os representantes parlamentares de todos os municípios amazonenses durante o 1º Feclam, voltado a vereadores, prefeitos e servidores públicos das câmaras municipais do Amazonas, com participantes de municípios mais próximos.

 

Texto: Diretoria de Comunicação da Aleam