Domingo, 24 Outubro 2021 15:44

MAIS DE MIL FAMÍLIAS GANHANDO PESCADO

Avalie este item
(1 Votar)

Governo do Estado compra peixe de piscicultores e doa a famílias em vulnerabilidade do bairro Mutirão, destaca Wilson Lima

Mais de 1,1 mil famílias do bairro Mutirão, na zona norte de Manaus, foram beneficiadas neste sábado, 23, pelo programa Peixe no Prato Solidário, criado pelo Governo do Estado.

Quatro toneladas de peixe e 1,2 toneladas de farinha, adquiridos pela Agência de Desenvolvimento Sustentável do Amazonas (ADS), foram distribuídas. O governador destacou que além de beneficiar pessoas em situação de vulnerabilidade, a ação beneficia piscicultores da região metropolitana de Manaus.

PEIXE PARA TODOS

O programa incentiva o consumo de pescado que seguem as boas práticas de manejo e controle sanitário sérios, oferecendo à população um peixe saudável e nutricionalmente completo.

“A gente compra dos piscicultores, nós damos a assistência técnica, nós também estamos dando condições para que eles possam movimentar os seus empreendimentos como a complementação na compra de alguns produtos, o aerador, que é aquele equipamento que ajuda a oxigenar a água, no mercado você compra ele por R$ 2.500 ou R$ 2.600, lá na nossa ADS você chega a comprar por R$ 600. Então é uma ajuda muito grande e aí no momento em que o peixe está pronto para ser despescado a gente vai e compra e traz aqui para o Peixe no Prato, então é um ciclo completo que a gente está fazendo”, ressaltou Wilson Lima, governador.

Esta é a sétima edição do Programa Peixe no Prato Solidário em Manaus.  O programa também já atendeu moradores do município de Rio Preto da Eva. O programa foi idealizado pelo governador Wilson Lima  para atender as famílias em vulnerabilidade social que tiveram suas situações agravadas durante a pandemia de Covid-19.

“Eu agradeço ao governador por ele entregar esse peixe porque muita gente, a minha família, precisa. Eu também preciso porque não tinha para hoje nesse momento difícil”, disse a dona de casa, Maria Nogueira.

PESCADO GRÁTIS

A ação do Estado é realizada por meio da Secretaria de Estado de Assistência Social (Seas) e Fundo de Promoção Social e Erradicação da Pobreza (FPS).

A aquisição do pescado junto aos produtores regionais é realizada pela ADS, com recursos financeiros repassados pela Secretaria de Estado de Produção Rural (Sepror) e oferece à população peixes frescos e de qualidade, como, o tambaqui roelo e pirarucu.

Edições anteriores – Em seis edições já realizadas, cinco delas na capital e uma em Rio Preto da Eva, o Programa Peixe no Prato Solidário já distribuiu, aproximadamente, 20 toneladas de peixe para 6,1 mil famílias.

A última edição aconteceu no bairro Colônia Antônio Aleixo, na zona leste, onde foram distribuídas, quatro toneladas de tambaqui e uma tonelada de farinha.

 

 

...

SECOM GOV DO AM